O que é retrofit?

03/01/2011

O termo em Inglês nada mais é do que a popular “reforma”, mas aqui com um sentido de customizar, adaptar e melhorar os equipamentos, dar conforto e possibilidades de uso de um antigo edifício ou prédio comercial. Com sinônimo de “colocar o antigo em boa forma”, o termo retrofit tem sido amplamente empregado com o sentido de renovação, de atualização, mas mantendo as características antigas do imóvel, como a sua fachada, por exemplo.

Não se trata simplesmente de uma reconstrução, pois esta implicaria em uma simples restauração. Ao invés disto, busca-se o renascimento.
No mundo da construção, a arte de “retrofitar” está aliada ao conceito de preservação da memória e da história. De algum tempo para cá o termo retrofit tem sido articulado com muita freqüência pelos arquitetos, construtores e decoradores aqui no Brasil.

O retrofit surgiu e foi desenvolvido na Europa, onde é extremamente importante, devido à enorme quantidade de edifícios antigos e históricos. Também é bastante usado nos Estados Unidos.

Nestes países a rígida legislação protegeu o rico acervo arquitetônico, impedindo que fosse substituído, abrindo caminho para o surgimento desta solução que preserva o patrimônio histórico ao mesmo tempo em que permite a utilização adequada do imóvel.

O motivo principal desta técnica é revitalizar antigos edifícios, aumentando sua vida útil, usando tecnologias avançadas em sistemas prediais e materiais modernos, preservando o patrimônio histórico, sobretudo o arquitetônico.

Em ascensão no Brasil a arte de retrofitar já tem sido aplicada nos centros de grandes metrópoles como São Paulo e Rio de Janeiro, onde existe uma grande quantidade de prédios antigos, tanto residenciais como comerciais. Muitas construtoras estão “retrofitando” edifícios residenciais antigos, substituindo toda a sua parte elétrica e hidráulica, trocando os elevadores antigos por outros mais modernos, trocando o piso de taco por cerâmica ou porcelanato, dando uma vida nova, modernizando e criando espaços para fitness, home theater, espaço zen, sala de jogos, lan house, entre outros.

Estes imóveis depois de prontos são colocados à venda e tem uma grande vantagem, pois são geralmente apartamentos amplos e localizados em áreas com infra-estrutura abundante.
O melhor de tudo em um imóvel “retrofitado” é o seu preço. São 30% mais baratos que os imóveis novos na mesma região.

A imobiliária Rodrigo Basto tem a melhor assessoria em negócios imobiliários do Estado do Ceará. Na hora de comprar ou investir em imóveis, procure a imobiliária Rodrigo Basto, que possui uma equipe de corretores altamente treinados para melhor assessorar seus clientes.


DICAS